24 de janeiro de 2020

RAPAZ QUE ESTAVA HÁ SETE MESES EM LIBERDADE É BALEADO A POUCOS METROS E SUA CASA E MORRE NO HOSPITAL

Compartilhe

Jeferson Domingos da Silva tinha 24 anos e foi baleado em frente do número 240 da Rua Indaiatuba quase na esquina com a Rua Itapira, no Jardim Novo Campos Elísios em Campinas, por volta das 20 horas do dia 7 deste mês de janeiro de 2.020 e morreu 40 minutos depois no Hospital Municipal Dr. Mário Gatti.

Ele morava na Rua Indaiatuba a poucos metros de onde foi atingido pelos disparos. Ele foi levado para o hospital por pessoas de sua família, conforme chegou ao conhecimento dos policiais.

A “lei do silêncio”, porém, dificultou o trabalho de busca de informações sobre a motivação e a autoria do crime.

Dois investigadores do Plantão da 2ª Delegacia Seccional estiveram no local, porém, relataram que “no endereço informado não havia qualquer indício ou mesmo movimentação que indicasse ter ocorrido alguma prática delituosa”.

Ou seja, os policiais não encontraram ninguém na rua que tivesse testemunhado o fato.

No hospital, os investigadores foram informados que uma mulher que não se identificou esteve à procura de informações sobre Jeferson alegando que era “companheira” dele. Ela saiu do hospital dizendo que iria para a Delegacia de Polícia, porém, não apareceu.

A DHC(Delegacia de Homicídios de Campinas) investiga o crime com apoio do 6 Distrito Policial.

Jefferson que nasceu em Santo André, município do ABC paulista, no dia 8 de abril de 1.995, respondeu processo em Campinas, e, ficou preso, por roubo de veículo em 2.013 e por furto em 2.016. Ele havia saído da penitenciária por ordem da Justiça em 10 de maio de 2.019.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *