24 de janeiro de 2020

Mulher de 82 anos é assassinada com golpes de alicate e faca pelo ex-namorado da neta dela em Campinas

Compartilhe

Odilia Fatoretto Balan, de 82 anos, foi assassinada com golpes no ombro e no pescoço, de um alicate de ponta fina e de uma faca de cozinha, dentro de sua casa na Vila Nova, um dos bairros mais antigos de Campinas. Ela também foi espancada com socos no rosto e na barriga, segundo a Polícia.

O principal suspeito de ser o autor do crime, que aconteceu no final da noite de 26 de março deste ano de 2019, é o ex-namorado de uma das netas da vítima. Ele tem 26 anos e fugiu. A neta da vítima tem 21 anos.

Ele foi visto saindo correndo da casa da idosa, na Rua Conselheiro Antônio Prado. E, também, durante a madrugada de 27 de março de 2019, teria telefonado o pai dele, no Jardim Planalto de Viracopos, perguntando se a Polícia havia lhe procurado.

Um dos filhos da Idosa, Aderval Balan, de 55 anos, mora na casa de fundos. É a filha dele que está separada do namorado, que, não se conforma com o fim do relacionamento.

A idosa morava na casa da frente. A neta dela ficava com ela e até dormia lá para fazer companhia.

O rapaz foi a procura da ex-namorada na casa da avó dela. Como não a encontrou agrediu até a morte Odilia.

Os gritos da vítima foram ouvidos pelo filho dela que ao sair da casa dos fundos viu o ex genro correndo para a rua.

Odilia foi morta em sua cama. Ela era natural de Santa Bárbara D’Oeste, município da Região Metropolitana de Campinas, onde nasceu dia 11 de dezembro de 1.936.

Nas redes sociais a neta da vítima escreveu que “o eu esse monstro fez; ele vai pagar”. E também lamentou dizendo que “era para ser comigo, não com você”.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *