7 de dezembro de 2019

Grupo de pessoas pega ladrão que atacou professora com arma de brinquedo

Compartilhe

Aos gritos de “pega ladrão”, pessoas não identificadas prenderam Marcos Vinicius Heredia, de 18 anos, que havia roubado a bolsa de uma professora, de 46 anos, no Jardim do lago, em Campinas.

A vítima, que retornava de uma confraternização, foi atacada por volta das 23h na Avenida Ana Beatriz Bierrembach, perto do viaduto da rodovia Santos Dumont e da Rua Anton Von Zuben, região do Jardim do Lago.

A professora foi ameaçada pelo ladrão que estava com uma arma semelhante a uma pistola e obrigada a entregar a bolsa de onde o ladrão retirou um celular e um “porta moedas” com R$ 98,90 em cédulas e moedas.

O assaltante saiu correndo e aos gritos a mulher chamou a atenção de pessoas que estavam em um posto de combustíveis e num ponto de ônibus.

Ele foi agarrado a 200 metros do local do roubo. Uma equipe de policiais militares estava na região da Vila Mimosa e rapidamente chegou ao local.

A professora foi a primeira e se aproximar da viatura e indicar a direção que o assaltante fugiu.

O autor do roubo foi encontrado pelos policiais, deitado no chão, com pessoas o mantendo imobilizado. Os “autores da prisão” foram embora com a chegada da PM e, por isso, ninguém foi identificado.

Nos bolsos da bermuda de Marcos Vinicius, os policiais alegam ter encontrado o “porta moedas” e o celular roubados da professora.

Na cintura do acusado estava a arma(foto) que os policiais descobriram tratar-se de uma imitação, sem poder letal – uma arma de brinquedo, porém, muito semelhante a verdadeira.

O rapaz que completou 18 anos em março mora na Vila Mimosa, foi autuado em flagrante no Plantão da 2ª Delegacia Seccional e encaminhado para a cadeia do 2º Distrito Policial, no bairro São Bernardo.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *