29 de fevereiro de 2020

CAMPINAS: TRAVESTI “NENÉM” É ASSASSINADA COM 12 TIROS NA CABEÇA EM SUA CASA

Compartilhe

A travesti “Neném”, cujo nome de batismo é Valdeon Santos da Silva, de 38 anos, foi morta com 12 tiros de pistola de calibre 380 na cabeça neste dia 11 de fevereiro de 2.020. O crime aconteceu na casa (foto) onde ela morava na Rua Progresso, antiga Rua 8, no Jardim Itaguaçu 1, um dos bairros que integram o Complexo do Campo Belo, região de Campinas que fica perto das Rodovias Santos Dumont e da Vinhedo-Viracopos( a Engenheiro Miguel Melhado de Campos).

A execução ocorreu à luz do dia, por volta das 12 horas , segundo a Polícia Civil. A motivação e a identidade do autor do crime ainda são investigados pela Delegcia de Homicídios de Campinas. Ninguém foi identificado.

Os policiais acharam perto do corpo 12 estojos deflagrados de calibre 380 o que indica que os disparos foram feitos à curta distância. Todos atingiram a cabeça da vítima.

Os policiais apuraram que “Neném” também chamada de “Nenê”, morava com um rapaz de 24 anos, que esteve no local e prestou declarações.Ele alegou que estava trabalhando quando o crime aconteceu.

“Neném” era natural do município de Jussari, na Bahia, onde nasceu em 14 de janeiro de 1.982.

A foto publicada nesta página foi reproduzida do Portal de Notícias Alerta Campinas.

A notícia publicada pelo portal recebeu muitos compartilhamentos e mais de duas centenas de comentários.

Um internauta escreveu que “Neném” era “super conhecido no Campo Belo”.

Em outros comentários, indignação: “Que horror, meu Deus!” , e, “Oloco, ninguém respeita mais nada. Cada dia o ser humano tá mais sem amor ao próximo. Misericórdia”.

Teve quem conhecia a vítima e lamentou: “Que Deus a receba de braços abertos Nenê. Tantos anos de amizade. Que Deus conforte seus filhos. Você que tanto ĺutou por eles e toda a família… vá em paz Nenê”.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *